segunda-feira, 20 de novembro de 2017

CURSO DE ILUSTRAÇÃO EDITORIAL - DIÁRIO GRÁFICO
A História Humana Contada Pela Arte
CUBISMO
Texto informativo
"El Barco" - Edição virtual - Monte Alto - Rio de Janeiro 2017 

Pablo Picasso - "As Senhoritas de Avignon" - óleo 1907


O Cubismo foi um movimento artístico que surgiu
no início do século XX, foram seus principais
fundadores Pablo Picasso e Georges Braque,
tendo se espandido para a literatura e a poesia,
influenciando escritores e poetas como Vladimir
Maiakovski. O quadro "Senhoritas de Avignon"
de Pablo Picasso (1907), é reconhecido como marco inicial
do Cubismo, no qual ficam evidentes as referências
as máscaras africanas e as obras de Paul Cézanne,
que inspiraram o movimento.
O Cubismo representava as formas da natureza
por meio de figuras geométricas, mostrando as partes
de um objeto no mesmo plano. 
A representação do mundo, passava a não ter
nenhum compromisso com a aparência real das coisas.
O pintor cubista expóe os objetos em três dimensões,
numa superfície plana, sob formas geométricas,
com o predomínio de linhas retas. 
Não representa mas sugere a estrutura dos corpos,
como se o observador se movimentasse em torno deles,
vendo-os simultaneamente sob todos os ângulos,
por cima e por baixo, percebendo todos os planos
e volumes.
A evolução do Cubismo teve duas fases: "Fase Cezaniana
(1907-1909)", sob influência de Paul Cézanne,
denominada também "Fase analítica (1909-1912)", caracterizada pela desestruturação da obra 
em todos os seus elementos, 
a decompondo-a em planos sucessivos e superpostos,
procurando a visão total da figura, 
examinando-a em todos os ângulos no mesmo instante, através da fragmentação dela.
A segunda fase "Cubismo sintético (1913-1914)
reagiu a excessiva fragmentação dos objetos 
da fase anterior, e à destruição de sua estrutura,
e procurou tornar as figuras novamente reconhecíveis,
introduzindo letras, números, palavras, pedaços de madeira,
vidro, metal e até objetos inteiros nos quadros,
com a intenção de ultrapassar os limites das impressões
visuais que a pintura sugere, despertando no observador
sensações táteis.
A influência cubista está presente no Cubofuturismo russo
e no Futurismo italiano.

dados extraídos da Wikipédia

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

CURSO DE ILUSTRAÇÃO EDITORIAL- DIÁRIO GRÁFICO
A História Humana Contada Pela Arte
ARTE DO EXPRESSIONISMO - Grupo "Der Blaue Reiter"
PAUL KLEE
Surrealismo e Abstracionismo
Estética do Fantástico - O Poema Visual
"El Barco" - Edição virtual - Monte Alto - Rio de Janeiro 2017  

PAUL KLEE
Munchenbuchsee, Suiça 1879 - Muralto, Suiça 1940
Pintor e poeta suiço naturalizado alemão.
O seu estilo foi influenciado por várias tendências 
artísticas diferentes, incluindo Expressionismo, Cubismo
e Surrealismo.
Foi estudante de orientalismo, e realizou experimentos 
no domínio da teoria das cores, sobre o que escreveu
extensivamente.
Suas obras refletem seu humor seco e, as vezes,
a sua perspectiva infantil e "musicalidade".
Ele e o pintor russo Wassily Kandinsky, seu amigo,
foram famosos por darem aulas na Escola de Arte
e Arquitetura Bauhaus.
Klee nasceu numa familia musical, seu pai,
o alemão Hans Klee, era professor de música na escola de professores Hofwil, nas redondezas de Berna, e sua mãe,
estudava para ser cantora lírica.
Aos sete anos, Paul começou a tocar violino, 
e nos seus primeiros anos se concentrou 
para se tornar músico, se sentindo ligado emocionalmente às obras dos séculos XVIII e XIX, mas como artista, 
abriu caminho à liberdade para explorar idéias 
e estilos radicais.
Em 1898 começou a estudar na Academia de Artes 
de Munique, com Heinrich Knirr e o pintor simbolista
Franz von Stuck.
Após receber a formação em Belas Artes, permaneceu na Itália, percorrendo Roma, Florença e Nápoles, estudando 
as obras dos mestres do Renascimento.
Ao voltar a Berna, estava dividindo seu tempo com a música,
tocando violino em uma orquestra e escrevendo análises 
de concertos e peças de teatro.
Em 1906, se casou com a pianista Lily Strumpf
com quem teve no ano seguinte, um filho chamado 
Félix Paul.
Em 1910 fez a sua primeira exibição exclusiva em Berna.
Em 1911, criou as ilustrações para uma edição 
de "Cándido" de Voltaire. 
Conheceu Wassily Kandinsky e Franz Marc, associando-se ao grupo "Der Blaue Reiter" (O Cavaleiro Azul).
Em 1912, em Paris, tomou contato com o cubismo e a arte
abstrata e recebeu a influência do colorido das obras 
de Robert Delaunay.
Em 1914, viaja a Tunísia com August Macke, e fica
impressionado com a intensidade da luz.
Ao retornar, em 1914, pinta o seu primero quadro
abstrato composto de retángulos coloridos e círculos.
Acentúa a intenção "musical" no cromatismo 
das suas pinturas.
Semanas mais tarde tem início a Primeira Guerra Mundial,
que começa a afeta-lo, seus amigos Macke e Marc
morrem em combate.
Em 1920, realiza uma grande retrospectiva com mais de 300
obras na galeria Hans Goltz, em Düsseldorf.
Em 1925, faz as suas primeiras mostras em Paris, 
se tornando sucesso entre os surrealistas franceses.
Em 1928 visita Egito.
Em 1933 a Bauhaus foi fechada pelos nazistas,
é demitido do seu emprego e sua casa é vasculhada.
Entre 1933 e 1934 realizou exposições em Londres e Paris,
onde conhece Picasso.
Ao voltar à Alemanha, em 1937, as suas pinturas são incluídas na exposição de "arte degenerada", organizada
pelos nazistas contra o Modernismo.
Klee morreu em Muralto, Locarno, Suiça, em 1944.

dados extraídos da Wikipédia

GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


PAUL KLEE


PAUL KLEE


PAUL KLEE


PAUL KLEE


PAUL KLEE


PAUL KLEE


PAUL KLEE


PAUL KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUR REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO 'DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE


GRUPO "DER BLAUE REITER" - KLEE