sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

REMBRANDT VAN RIJN
Leiden 1606 - Amsterdã, Holanda 1669
Pintor e gravador
Suas contribuições à arte surgiram em um período
denominado "Século de Ouro dos Países Baixos",
no qual a influência política, a ciência, o comercio
e a cultura holandesa, particularmente a pintura,
atingiram seu ápice.
Tendo alcançado sucesso na juventude como pintor
de retratos, seus últimos anos foram marcados por
uma tragêdia pessoal e dificuldades financeiras.
No entanto, suas gravuras e pintura foram populares
em toda a sua vida e sua reputação como artista 
manteve-se elevada, e por vinte anos ele ensinou
a quase todos os pintores holandeses. Os seus maiores
triunfos criativos foram os retratos de seus contemporâneos,
autorretratos e ilustraçoes de cenas da Biblia. 
Seus autorretratos formam uma biografia singular em que
o artista pesquisou a si mesmo com a máxima sinceridade.
Tanto na pintura como na gravura, ele expõe um
conhecimento completo da iconografia clássica, assim,
a representação de uma cena bíblica era baseada no
conhecimento do texto específico, na sua assimilação da
composição clássica, e em sua observação da população
judaica de Amsterdã.
Seu pai era um próspero moleiro, e na infancia frequentou
aulas de latim e foi matriculado na Universidade de Leiden.
Durante três anos foi discípulo de Jacob van Swanenburgh,
e mais tarde fez um aprendizado de seis meses com
o famoso pintor Pieter Lastman em Amsterdã. Entre 1924 
e 1925, abriu um estudo